O Instituto Hórus de Desenvolvimento e Conservação Ambiental foi fundado em março de 2002 por um grupo de pessoas interessadas na problemática de invasões biológicas.

A equipe do Instituto Hórus é formada por colaboradores em diversos locais do país, havendo profissionais na área de Biologia, Engenharia Florestal, Engenharia Agronômica, Direito, Engenharia Química e outros. Essas pessoas compõem uma Diretoria formada por um Presidente, um Secretário, um Tesoureiro e três integrantes de um Conselho Fiscal, conforme a legislação vigente. Os termos de atuação são de dois anos, com renovação possível por mais dois.

Entre os colaboradores técnicos, o Instituto mantém vínculo com pessoas de diversas especialidades na área biológica, de modo a atender demandas as mais diversas.

 

 

DIRETORIA EXECUTIVA

Sílvia Renate Ziller
Diretora Executiva, Sócia-fundadora
Engenheira Florestal com mestrado em silvicultura e doutorado em conservação da natureza. Experiência em análise e restauração ambiental em diversas regiões do Brasil. Trabalhou no setor público, privado e hoje tem maior ação no terceiro setor, especializando-se em espécies exóticas invasoras. Proveu treinamento nessa área em mais de vinte países na América Latina e no Caribe. Fellow da Ashoka Empreendedores Sociais desde 2002 pela proposta de trabalho do Instituto Hórus. Membro da Parceria Global de Informação sobre Espécies Exóticas Invasoras (GIASIP) e da Rede de Especialistas em Espécies Invasoras da IUCN (ISSG).
sziller@institutohorus.org.br

DIRETORIA ATUAL

Leonir Piza

Advogada e Pedagoga, tem experiência em treinamento de recursos humanos. Formação em direito ambiental no âmbito de atuação do Instituto Hórus.

Geraldo Morceli Bolzani Júnior

Engenheiro agrônomo formado na UFPR com especialização em arroz irrigado em Vercelli, na Itália. Tem especialização em Economia e Administração. Experiência profissional em competitividade empresarial e comunitária. Tem projetos de pesquisa em gestão organizacional de comunidades e sobre o papel de organizações do terceiro setor em processos de desenvolvimento sustentável (dissertação de mestrado).

Rodrigo Chaves Ribeiro

Engenheiro Florestal formado na UFPR COM especialização em logística florestal.

Gisele Bolzani

Engenheira química com formação nas áreas de psicologia e marketing, com foco principal na área da psicologia do desenvolvimento. Sua experiência profissional, de mais de 15 anos, sempre esteve relacionada a questões organizacionais - revisão de objetivos e processos, desenvolvimento de equipes, com vistas à melhoria dos resultados de empresas de pequeno, médio e grande porte. Atualmente seu trabalho está voltado para as áreas de gestão florestal.

Elisabeth Hildebrand

Eng. Florestal, M.Sc. em Economia e Política Florestal, na UFPR. Doutora em Economia Ambiental, UFPR. Atua há mais de 10 anos como consultora nas áreas de sócio-economia e meio ambiente.

Magno Segalla

Biólogo, especialista em anfíbios. Desenvolve trabalhos de pesquisa e divulgação sobre anfíbios, estando envolvido na elaboração da listas de espécies ameaçadas de extinção. É presidente da Sociedade Brasileira de Herpetologia e membro do Conselho do RANA (The Research and Analysis Network for Neotropical Amphibians / Rede de Análise dos Anfíbios Neotropicais Ameaçados), entidade que tem por missão promover a interpretação e a compreensão da diminuição das populações de anfíbios por meio da pesquisa em colaboração na região Neotropical. Também é fotógrafo, havendo formado grande acervo de fotos de espécies de anfíbios de distintos ambientes do Brasil. 

Elisa Schiocchet

Matemática de formação, trabalha com apoio a crianças e adolescentes em suas dificuldades no aprendizado da matemática.



COLABORADORES TÉCNICOS 

Michele de Sá Dechoum
Bióloga, formada na UNICAMP, com Mestrado em Biologia Vegetal. Cursando o Doutorado na Universidade Federal de Santa Catarina, na área de Ecologia, na temática de invasões biológicas. Foi Gerente de Recursos Naturais do Instituto Estadual de Meio Ambiente do Espírito Santo. Tem ampla experiência em gestão e manejo de espécies exóticas invasoras.
CV Lattes 
http://lattes.cnpq.br/8331403389204985 

Rafael Zenni

Engenheiro florestal pela Universidade Federal do Paraná (2005), bacharel em botânica pela Universidade de Stellenbosch (África do Sul) e doutorando em Ecologia e Ecologia Evolutiva pela Universidade do Tennessee (EUA). Minha linha de trabalho é em Ecologia com foco em Ecologia de Invasões e Ecologia de Populações. Minha pesquisa busca melhorar nosso entendimento sobre mecanismos envolvidos no processo de naturalização e invasão de espécies exóticas. Desta forma, busco compreender porque algumas populações de espécies exóticas se disseminam rapidamente enquanto outras não invadem, e como podemos excluir, controlar ou erradicar espécies exóticas invasoras.
Currículo disponível em 
http://rzenni.info

Leandro Ângelo Pereira

 Biólogo, Especialista em Ictiologia, com ampla experiência na geração de oportunidades de renda para comunidades litorâneas com base na produção sustentável de espécies nativas. Professor do Instituto Federal Tecnológico do Paraná, no campus de Paranaguá.

Renata Martins Plucênio

Bióloga, formada na  Universidade Federal de Santa Catarina. Tem trabalhado no aperfeiçoamento da Base de Dados I3N Brasil e em análises de risco para espécies exóticas. Professora na Escola Dinâmica, em Florianópolis.
CV Lattes http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4213631U7

Renato Bérnils 

Biólogo, doutor em Zoologia, pesquisa e orienta estudos com Répteis. Professor da Universidade Federal do Espírito Santo, campus São Mateus/ES. 

Aida Franco de Lima
Jornalista, sempre dedicou-se à questões de conservação ambiental. Foi dirigente do Grupo Ecológico dos Campos Gerais, de Ponta Grossa e voluntária do Grupo Fauna de Proteção aos Animais. Entre suas inúmeras iniciativas ambientais está a criação do Jornal Animal, veiculado de Cianorte para diversos municípios no Estado. Atualmente leciona na PUC Minas.
CV Lattes 
http://lattes.cnpq.br/7343582182129003

 

Inúmeras outras pessoas são colaboradoras do Instituto Hórus, respondendo a demandas conforme a necessidade.